DEIXA...

DEIXA...




Deixa que te abrace...que te olhe nos olhos...
Que te sinta em mim
Deixa-me sussurrar ao teu ouvido
O quanto és doce...
Viciante...
Amorosa...






Deixa que te envolva nos meus braços...
Deixa que te sinta estremecer

Deixa que te sorria...
Que te beije intensamente






Deixa...
Posted on quarta-feira, fevereiro 18, 2009 by C.S. and filed under | 9 Comments »

9 comentários:

cristina disse... @ 18 de fevereiro de 2009 às 09:23
Este comentário foi removido pelo autor.
cristina disse... @ 18 de fevereiro de 2009 às 09:24
Este comentário foi removido pelo autor.
cristina disse... @ 18 de fevereiro de 2009 às 09:31

Simplesmente maravilhoso...imagens belíssimas, escolhidas com muita sensibilidade. Parabéns!

Adorei amigo C.S.

Um beijo num sorriso :)

Cris

Anónimo disse... @ 18 de fevereiro de 2009 às 10:47

É bom sonhar e acreditar ...
Pois o sonho faz parte da vida
e o acreditar dá-nos alento para continuar !

MUITO LINDO !
DOCE

Anónimo disse... @ 18 de fevereiro de 2009 às 18:23

Deixa-me... ir de encontro aos teus sonhos...
Deixa-me ... ser a realidade que desejas...
Deixa-me ... apenas ser eu mesma...

@RebeldeOlhar@

Lisete Figueiras disse... @ 18 de fevereiro de 2009 às 20:07

Que dizer?...está lindo...
Espero que deixe...
Um Beijo
Lisete

C.S. disse... @ 18 de fevereiro de 2009 às 23:28

CRISTINA...Obrigado, por vezes saem coisas assim...:)

Um beijo e um sorriso


DOCE...Realmente os sonhos ainda são aqueles momentos em que é permitido ser livre em todos os sentidos...

Beijinhos


@REBELDE OLHAR@ A tua veia poética nos comentários quase que são a parte II do post....
Um dia destes vou colocar um post aqui só com metade escrito para que as visitas da mansão possam dar diversos fins...
Beijinhos...


LISETE FIGUEIRAS...
Obrigado...
Eu acho que não deixa...eheheheh
Mas...os sonhos e a poesia servem para isso mesmo...

Um beijo e um sorriso

Maria Luis disse... @ 22 de fevereiro de 2009 às 23:56

Bem...nem sei que dizer...
És uma caixinha de surpresas :)
É raro um homem tratar o erotismo e a sensualidade com a tua delicadeza. Com a tua sensibilidade.
Aliás, é raro um homem não ter pudor em mostrar-se sensível.
Eu acho um charme.
Beijinhos

Anónimo disse... @ 26 de fevereiro de 2009 às 01:06

Nao tenho palavras para dizer que adorei e adoro tudo o que escreves e a sensualidade que consegues passar que é envolvente,,

Beijo no coração

blueyes_1962